Me perdendo na cidade grande…

by

Bem, hoje eu acordei as dez da manha simplesmente torrando no sol, com a cortina aberta. Estava cerca de 30 graus! Dia lindo, então decidi ir a Santo Andre cuidar das minhas tarefas em outro dia. Primeiro fui tomar meu café da manhã na rua Bela Cintra, em um lugar bem legal que o pessoal de Sto André me indicou. Comi um beirute aos quatro queijos sensacional! Bem, eu me perdi ja para ir tomar o cafe da manhã. Estava demorando. Mas encontrei!

Decidi então visitar o parque do Ibirapuera. Tava um sol lindo demais e eu não podia deixar isso passar batido. O detalhe é que eu nao sabia como chegar!Da-lhe google maps e ate fiz amizade com a menina oriental que trabalha na lan house que eu fui. Pesquisamos itinerários na sp trans e nos confundimos mais do que nos achamos. Ok. Voltei pro hotel, peguei o tal do guia da bravo e descobri que na Brigadeiro Luiz Antonio passava onibus pra la. Como é uma travessa da paulista, nao tive medo de me aventurar. Só que caminhei pra cacete, era tri longe! Chegando na parada, pedi informações. Uma tia se assustou comigo e só faltou me bater. Mas enfim, cheguei no tão esperado parque! So que o MAM (Museu de Arte Moderna) só abre a partir de terça! Alias, o museu afro tambem! Ou seja, tava tudo fechado. Caminhei cerca de tres horas la dentro, o negocio é absurdamente grande. Me perdi. Me situei de novo. E não fazia nem idéia de como eu voltava de lá! Bem, quem tem boca… lá fui eu perguntar para os guardas (tenho medo de sair perguntando pra qq um e dar bandeira que sou turista. Acho uma exposição desnecessária, embora creia que está escrito na minha testa!)

Peguei uma passarela maluca la e entrei num tal de onibus São Francisco, que tinham me indicado. Aí me perdi de novo. Mas como minha referencia é a Paulista, foi fácil me achar. So que eu tava no começo da avenida e ja tinha caminhado tres horas! Me deu um desespero, mas vamos lá. Jantei no Mac e ainda peguei uma sessão de cinema la no HSBC belas artes. O filme era o francês “Beije quem você quiser”. Bem, eu tinha a impressão que já tinha visto esse filme, mas é sessão cineclube e meia entrada. A entrada de cine aqui é dessezeis reais galera, e se eu quiser ir seguido assim, tenho que encontrar algumas alternativas. Bem, o filme era ruim! So depressive e eu já to me sentindo meio sozinha na cidade grande. É paradoxal porque to completamente apaixonada por essa cidade. Só que tô me sentindo meio sozinha na cidade grande. Todo mundo se sente assim?

Para amanhã, a programação tem uma parada obrigatória no Masp (é de graça e fica a quatro quadras de onde estou. Absurdooo!) Bem, eu fiquei indignada hoje quando fui pedir informações turísticas aqui no hotel e não sabiam me dizer porra nenhuma. Hotel econômico dá nisso. Me orientaram a ir no Masp onde teria um posto de informações turísticas. Ao chegar lá, o guarda disse que o posto foi transferido porque os hoteis faziam esse serviço e tinha pouca demanda. Ah fala sério né? Na maior cidade do país? Foda de acreditar. Então, vou ter que fazer meus passeios por mim mesma. Fodam-se todos.

Ah! Hoje eu surtei na Fnac (de idiota, porque tem em Porto Alegre também né?). Comprei um livro legal lá. Mas meu Nick Hornby nao tinha e fiquei de cara também. Era pra ter de tudo aqui! Frustração.

Amanhã volto com novidades. Tem um filme comentado la no Belas Artes e dizem que o Cauã Reymond vai estar! Odeio essas tietices adolescentes mas acho que vai ser curioso e não vou perder.

Hasta!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: