Posts Tagged ‘séries’

Falando em seriados

julho 18, 2008

Nunca falei de seriados por aqui, mas a verdade é que sou adoradora de muitos. Gosto de vários estilos, os médicos (House), os que já acabaram (Gilmore Girls), os mais teen (Gossip Girl), os mais doidos (Lost), os que nos fazem trazer a inocência da infância com um pouco de humor (Pushing Daisies), entre outros que não acompanho com tanta fidelidade.

Agora sem dúvida alguma o meu preferido foi, é e sempre será o Friends. Aqueles seis amigos que viviam o cotidiano nas telas me encanta. Acompanhei pouquissímos episódios quando ele ainda era inédito, mas depois que cresci um pouco e passei a me reconhecer naqueles personagens, devorei a série toda.

Semana passada terminei o último episódio da 10º temporada. Continuo assistindo os episódios esporádicos que a Warner reprisa, mas quando assisti Monica, Chandler, Ross, Rachel, Joey e a Phoebe no último episódio me deu uma tristeza…

Quem não sente falta da amizade da Rachel e da Monica, que mesmo sendo as duas tão diferentes não tinham como se dar melhor. No episódio em que a Rachel arrumou as coisas para ir para Paris e deixou os documentos organizados pela ordem em que ela usaria… a Monica ficou realmente orgulhosa de ter ensinado ela a ser organizada. Ainda nas amizades, o Joey prefere pedir que o Chandler consiga o emprego do que desejar acertar os números da loteria.

As loucuras que aquela turma fazia no dia-a-dia não vai sair da minha memória nunca. Os grandes amores como o da Rachel e do Ross, os amores que nascem de um grande porre como o da Monica e do Chandler. As mentiras que eles se contavam, sem maldade (algumas vezes nem tanto) como o emprego da Phoebe em uma clínica de massagem ou as festas no terraço para o pessoal da novela do Joey.

Todos os flashes backs que apareciam que nos matavam de rir. Por esses motivos é que essa é a melhor série de todos os tempos.

Sabe quando eu me dei conta que tinha virado uma fã de carteirinha? Simplesmente quando passei a comparar ou procurar caracteristicas nas pessoas que vivem comigo que lembrassem aqueles seis amigos. E não é que a gente sempre conhece um Joey, um Ross, uma Rachel, uma Monica, uma Phoebe ou um Chandler.

Anúncios